Nosso Blog

O ponto de vista pra quem sabe o que é tudo.

22 de agosto de 2018

Segmentação de público: entenda como destacar o seu produto

Se você tem se preocupado em como destacar o seu produto, vender mais e encontrar o melhor posicionamento para ele, pare de se preocupar agora. No nosso post de hoje vamos falar sobre segmentação de público e qual a importância dessa estratégia. E pode apostar, isso irá resolver grande parte das suas dúvidas.

Então, acomode-se na cadeira, pegue um café e acompanhe o que preparamos para você esta semana com direito a bônus no final.

Afinal, o que é segmentação de público?

 Apostamos que em algum momento da sua vida te disseram para você não abraçar o mundo. E garantimos que esse é um ótimo conselho para empreendedores.

O que queremos dizer é que tentar atingir a todos não é algo positivo. Entendemos que você deseja lucrar e desenvolver a sua empresa, mas o caminho não está em um discurso generalizado.

E aqui, entra a segmentação de público. Ou seja, descobrir quem é o seu público alvo e focar nele.

Em nosso Instagram (@ativaresultados), o nosso Diretor de Criação e Diretor Rodrigo Paccini abriu espaço para discutir a segmentação, recentemente.

Rodrigo escolheu duas marcas de água mineral, uma de combate e outra de característica premium, cujo valor era seis vezes maior que a anterior.

Parece um absurdo pensar que alguém consumiria água em um valor tão caro, não é mesmo? Bom, isso é a segmentação, entender que há um público que deseja produtos com determinada características e que estão dispostos a pagar por isso.

E o que é público-alvo?

 Público-alvo é um grupo de consumidores que compartilham um perfil semelhante e possuem afinidades com produtos ou serviços que sua empresa oferece. Ou seja, potenciais clientes.

E para atingi-los, você precisa de uma pesquisa minuciosa que fará você saber quem são estas pessoas. Por exemplo, imagine que seu negócio é de calçados femininos. Mas apesar de existir uma gama de sapatos, o seu foco são meninas de até dez anos, classe média, cujas mães são extremamente antenadas em tendências.

Vendo isto, você entende que se o seu público são mães de meninas, não faz sentido divulgar a sua marca para quem não tem filhos ou é mãe de meninos, certo?

Mais uma vez, tudo é questão de segmentação. Uma comunicação genérica não é eficiente, pelo contrário, só vai fazer com que você invista dinheiro e energia no caminho errado.

Afinal, a relação que você cria com seu público é o que o convencerá a escolher a sua marca na hora de finalizar a compra. E, cada vez mais, os clientes se tornam muito específicos, uma vez que pesquisam mais e se tornam mais ativos na hora de escolher o que querem.

Vamos novamente ao exemplo dos sapatos. Imaginemos agora que temos duas mães, ambas antenadas e mães de meninas até aos dez anos. Mas, uma delas mora em uma região fria e outra, em um local extremamente quente. Viu? Já temos aqui duas motivações distintas para consumir calçado. Dificilmente você venderá uma sandália para alguém que mora em um local de neve e chuva.

Portanto, considere fatores demográficos, econômicos e sociais na hora de definir quem é o seu alvo, para que as suas chances de alcance sejam maiores e bem-sucedidas.

Entre as vantagens desta estratégia estão a certeza de qual conteúdo criar para os clientes, qual a linguagem ideal, melhorias nos produtos, canais de comunicação e quais as promoções ideais.

Defina seu público-alvo

 Comece por entender quais problemas o seu produto ou serviços podem selecionar para o seu público. Encontre qual o seu diferencial no nicho em que atua.

Em seguida, entenda qual o perfil de pessoas que procuram por seus serviços e produtos e defina-os. Esta é uma das etapas mais importantes, pois distribui estas pessoas por nichos.

E para entender melhor, inicie uma pesquisa mais aprofundada, onde você pode compreender gênero, idade, nível de educação, renda, estado civil e outros aspectos que julgar importante.

A nossa dica bônus é a definição da buyer persona. Diferente do público-alvo, a buyer persona é um perfil extremamente detalhado que representa quem seria o seu comprador ideal.

Ou seja, a buyer persona é mais definida do que o público-alvo, que é um conceito mais geral. E o que isso significa? Mais chance ainda de alcançar o seu comprador.

Quer começar a construir o perfil da sua buyer persona e definir a estratégia ideal para chegar até a ela? Entre em contato conosco! A Ativa possuiu uma equipe preparada para acompanhar cada etapa de compra e venda da sua empresa.

Leia também
Deixe um comentário